Profissionais de enfermagem aderem a paralisação nacional e realizam ato público

13 de mai de 2014


Enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem tanto da rede pública quanto privada aderiram à paralisação nacional da categoria, ontem, 12 de maio, data em que se comemorou o Dia Internacional da Enfermagem. Com faixas nas mãos, eles realizaram panfletagem e uma caminhada partindo do final da Avenida Getúlio Vargas sentido o Hospital Emec. O protesto não provocou congestionamentos no trânsito.
De acordo com a enfermeira, Fabia Quele Barbosa de Freitas, o objetivo da mobilização é chamar a atenção da sociedade e os profissionais da área para as demandas da categoria. “As demandas de enfermagem são antigas. Sabemos da precarização da nossa profissão, não só local, mas nacionalmente. O intuito é mobilizar os nossos profissionais para melhoria das nossas demandas”, afirmou.

Ainda de acordo com a enfermeira, os profissionais da área não têm boas condições de trabalho, salários dignos, bem como lugares adequados para repouso. Motivos, que segundo ela, inviabilizam a prestação de um cuidado digno e humano à população.

“Sem Enfermagem não se faz saúde, nós representamos quase 60% do corpo da saúde. E a gente quer mostrar para a sociedade que a gente precisa que as pessoas entendam que, para ser cuidado, a gente precisa de qualidade nessa assistência”, afirmou Fabia Quele.

O protesto contou com o apoio da Associação Brasileira de Enfermagem (Abem), do Conselho Regional de Enfermagem (Coren) e do sindicato da categoria. Estudantes de instituições públicas e privadas também participaram da mobilização.

Fonte: Acorda Cidade.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

 
Copyright © -2012 .:: PORTAL DE SERROLÂNDIA ::. All Rights Reserved | Template Design by Favorite Blogger Templates | Blogger Tips and Tricks