Em Coletiva, são apresentados acusados de estupro e assassinato

3 de fev de 2014


No início da tarde desta segunda-feira, 03, em coletiva de imprensa foram apresentados pela Polícia Civil, três acusados de crimes na região, sendo dois de estupros e um de assassinato.

Segundo o Delegado Titular Rogério Menezes, da 16ª Coorpin, dois crimes dos três apresentados, foram realizados no Distrito do Junco, mostrando o avanço da mancha criminal naquela localidade, forçando a polícia a tomar posições mais intensivas na comunidade. Quanto aos acusados de estupro, todos negaram a participação. Para Menezes, isso é uma ação normal de todo criminoso, fazendo com que todos os discursos sejam parecidos, mas que já possui todas as provas suficientes para incriminar os acusados.

Caso 01

 

Moisés Aves de Almeida, 42 anos, natural de Piritiba, é acusado de ato libidinoso contra menor, quando na sexta-feira 31 de janeiro, aliciou uma menina de sete anos e mostrou as genitais para outra de cinco. Após ser encontrado pela polícia na feira livre e levado para o DP, foram descobertos outros mandados de prisão expedidos por crimes de estupros na cidade de Piritiba.

Para Moisés, tudo não passa de uma perseguição da população contra ele, pois ele é um homem evangélico desde a infância e que jamais praticaria um ato como esse.


Caso 02

 

Sandoval Nascimento Souza, “Dodó”, 42 anos, natural de Jacobina, acusado de estupro de vulnerável no Distrito do Junco. Segundo consta, no dia 31 de janeiro, por volta das 17h, Dodó aproveitou o momento em que a criança dormia e forçou o ato sexual, fugindo após intervenção de terceiros. A criança foi internada no Hospital Municipal em Jacobina, onde foram comprovadas as agressões. 

Dodó se defende e aponta um outro homem como autor do crime.

Caso 03


Josemar Ferreira Menezes, “Vanzinho”, é acusado de assassinar a golpe de faca o Nivaldo Araújo dos Santos, 23 anos, no Distrito do Junco em Jacobina. Segundo consta nos autos, o crime aconteceu no dia 29 de outubro de 2013, quando em desavença com a vítima, Vanzinho tomou uma faca da mão do Nivaldo e deferiu contra seu peito. 

Vanzinho se diz arrependido do ato.

Os três acusados ficarão detidos na Delegacia em Jacobina à disposição da justiça. 


Rota 324 - Fique bem informado sempre!
Por Vinicius Garcia e Igor Fagner

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

 
Copyright © -2012 .:: PORTAL DE SERROLÂNDIA ::. All Rights Reserved | Template Design by Favorite Blogger Templates | Blogger Tips and Tricks